Porque a arroba do boi mais valorizada pode ser um risco para quem faz a terminação em confinamento?

Porque a arroba do boi mais valorizada pode ser um risco para quem faz a terminação em confinamento?

 

O preço da arroba de boi está em níveis recordes, porém isso pode se tornar um risco. É que com a valorização da arroba do boi gordo, consequentemente aumenta o valor dos bezerros, podendo representar pouco ganho final ou até mesmo prejuízo. O risco é que o preço do bezerro suba mais que o preço do boi gordo.

 

Somado ao preço do bezerro temos o custo de produção que pode aumentar devido ao preço do milho. Outro ingrediente que pode entrar nessa conta é uma possível (pouco provável em minha opinião) ressaca na demanda de carne bovina em Janeiro.

 

Para se ter uma ideia, a expectativa de exportação de milho nesse ano era de 25 milhões de toneladas, porém já passamos essa marca e talvez cheguemos na marca de 40 milhões de toneladas exportadas.

 

A exportação melhorou porque com o dólar mais caro aqui no Brasil, nosso produto fica com preço muito competitivo no mercado, aumentando a exportação.

 

A produção de milho no Brasil foi de 101 milhões de toneladas, o consumo fica em torno de 65 milhões de toneladas e se exportarmos 40 milhões de toneladas fica fácil saber o porque do preço mais alto no mercado interno.

 

O milho esta mais caro, porém a soja não tem expectativa de aumento de preço, uma vez que a China não esta comprando muito devido a peste suína, estoque alto nos EUA e a recuperação da produção Argentina na safra 2018/19 após umas das secas mais severas, ou seja, tem soja “sobrando”.

 

Como sempre, acertar na compra e no custo de produção, é tão ou mais importante que o preço de venda.

 

Por Roberto Lucas – Médico Veterinário e Diretor do Grupo MF Rural

Related Post

One thought on “Porque a arroba do boi mais valorizada pode ser um risco para quem faz a terminação em confinamento?

Comments are closed.