6 fatores que influenciam na engorda de bois

6 fatores que influenciam na engorda de bois

 

Para listar os principais fatores para o sucesso do sistema de engorda a pasto (também chamada de fase de terminação) na pecuária de corte, nós consultamos alguns especialistas.

 

Em tempos de Covid-19, quando o mercado registra grande volatilidade como reflexo das incertezas geradas pela pandemia do novo coronavírus, fazer o animal ganhar peso parece uma missão ainda mais desafiadora e necessária.

 

 

Não pare durante a quarentena

 

Afinal, somos um país com 215 milhões de cabeças de gado e o pecuarista acorda diariamente preocupado com a perenidade do seu negócio. Por isso, dicas corretas são valiosas.

 

Um artigo do especialista e professor Russ Daly, do State Public Health Veterinarian, publicado para o site Extension Sdstade Edu, traz valiosas observações.

 

Vale lembrar que as oscilações nos mercados financeiros globais não têm ligação com qualquer problema percebido com o gado ou o suprimento de alimentos.

 

Elas ocorrem em razão de preocupações com restrições a viagens e outras atividades humanas. Mas as coisas podem mudar, uma vez que ninguém sabe exatamente como o vírus se comporta.

 

Nesse vídeo que preparamos para você, Walter Celani e o Roberto Lucas comentam sobre o trabalho do MF Rural e do Agronegócio brasileiro em meio a quarentena. A dica é proteger os funcionários, engordar os bois e manter a produção.

 

 

Ofereça energia

 

Dietas com alto teor de energia durante a fase de engorda devem ser oferecidas. Uma alimentação com menor quantidade de concentrados resultará numa proporção mais baixa de gordura.

 

Para isso, o pasto tem que estar bem adubado, com forragem adequada do capim para a topografia daquele pasto e o tamanho dos piquetes onde os animais serão manejados.

 

Se a forragem não conseguir suprir as necessidades funcionais, a dica é fazer a suplementação mineral ou ração.

 

 

Reduza o estresse

 

Embarque, transporte, área de espera e atordoamento são alguns dos fatores de estresse que levam ao aumento da temperatura corporal do boi.

 

Com isso, aumenta a frequência respiratória, há elevação da glicólise rápida e queda de pH muscular, além de uma rápida desnaturação proteica e um rápido estabelecimento do rigor mortis. Tudo isso altera a conversão normal do músculo em carne.

 

Estudos constataram que o animal em estado de estresse libera hormônios prejudiciais à qualidade da carne.

 

Outra dica é utilizar sistemas onde o gado caminhe pouco. Assim, ele gasta menos energia e engorda mais.

 

 

Limpe o pasto

 

Perder parte das pastagens para plantas daninhas não é bom negócio para quem quer engordar o gado. Por isso, o controle de invasoras em pastagens é fundamental.

 

4 cabeças de gado em pasto alto
A qualidade do pasto é um fator que influencia muito na engorda dos bois

 

Estima-se que uma infestação de 30%, por exemplo, reduzirá o consumo de matéria seca pelo boi em uma proporção equivalente, gerando uma perda considerável.

 

No caso das cigarrinhas – principal praga que afeta as pastagens no Brasil -, é possível fazer o controle biológico com fungo, que não mata 100% das invasoras, mas deixa o sistema em equilíbrio. Nesse caso, é necessário fazer aplicação do fungo anualmente.

 

 

Vacine corretamente

 

A questão sanitária também é fundamental. Ofereça as vacinas em dia, proceda com a vermifugação para eliminar parasitas.

 

Não adianta ter potencial genético e alimentação adequada e deixar o boi sujeito a doenças.

 

 

Invista em genética

 

Apesar da elevação dos custos de produção, o melhoramento genético é fundamental para quem deseja obter raças mais adaptadas às condições ambientais brasileiras.

 

Isso se dá porque algumas raças são mais resistentes que outras. Outras engordam mais em um determinado tipo de pasto.

 

Conhecer bem a sua raça é também fundamental. Assim, seu sistema de engorda poderá ser adaptado ao seu rebanho, com chances maiores de obter melhor rendimento.

 

Sabe onde você pode adquirir gado de reposição? Aqui no site MF Rural você encontra!.

 

Related Post