Os benefícios da pastagem na sombra para vacas leiteiras

Os benefícios da pastagem na sombra para vacas leiteiras

 

Diversos estudos apontam que umas das situações que causam mais estresse para os animais na produção de leite são a alta temperatura associada à alta umidade relativa do ar e a, já sabidamente prejudicial, radiação solar.

 

Existem vários motivos para tal, mas o principal é a redução do apetite por parte da vaca leiteira, o que ocasiona prejuízos à produção, além de submeter o animal a condições poucos favoráveis.

 

Só a título de exemplo, um animal submetido à insolação intensa pode absorver uma quantidade tão grande de calor que seria possível ferver cerca de 100 litros de água em apenas um dia!

 

Vaca de leite da raça holandesa pastando sozinha sob sol forte
Vacas leiteiras pastando no sol sem sombra acabam tendo perda na produção.

 

Dito isso, não é de se espantar que um dos métodos que mais vem trazendo resultados positivos no combate a situações como esta é o do sombreamento do rebanho, do qual vamos demonstrar os benefícios neste artigo! Sendo assim, fique com a gente e acompanhe!

 

 

1. Maior produção de leite

 

Segundo a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) Cerrados, os bovinos submetidos ao conforto térmico presenciaram um ganho de cerca de 20% a mais de produção de leite individual, nos dias com maior intensidade de calor. Já a média anual ficou por volta de 5% a mais de produção individual.

 

Além do aumento na produção, a pesquisadora Isabel Ferreira afirma que outro ganho importante para as vacas leiteiras foi na parte fisiológica e comportamental, visto que os animais ruminam por mais tempo em uma situação de sombreamento, algo em torno de 30%.

 

Vacas leiteiras na sombra de uma árvore
Vacas leiteiras na sombra ruminam por volta de 30% a mais, o que resulta em aumento na produção de leite.

 

A pesquisadora afirma, ainda, que quando o animal está sob um conforto térmico, seu consumo de alimentos aumenta, o que ocasiona uma conversão muito maior de nutrientes para a produção de leite, uma vez que, em pleno sol, o bovino destina uma quantidade muito maior de energia para a perda de calor.

 

 

2. Mais embriões

 

Ainda segundo a EMBRAPA, o índice de reprodução dos animais submetidos à sombra é de quatro vezes mais. Devido a está técnica, foi possível observar que, sob o sombreamento, as vacas leiteiras produziram 16% mais folículos na superfície dos seus ovários e os números de ovócitos aumentaram cerca de 80%!

 

Graças a essa tendência, que se mostrava inviável, alguns anos atrás e hoje cresce em um ritmo de 10% ao ano, a tecnologia Integração Lavoura-Pecuária-Floresta, alem de se mostrar ecologicamente sustentável, também oferece qualidade e aumento da produção.

 

Vacas leiteiras pastando na sombra em meio a floresta
A integração pecuária e floresta tem diversos benefícios além da sombra pro gado leiteiro.

 

 

3. Maior proteção e aproveitamento ambiental

 

Quando o sombreamento de uma área advém do plantio de árvores, é possível aumentar ainda mais os benefícios dessa prática. A seguir, você pode conferir alguns dos vários benéficos que isso pode proporcionar:

 

• Controle de erosão;

• Aproveitamento da água da chuva;

• Proteção dos mananciais e nascentes que os próprios bovinos utilizam;

• Melhor qualidade das forragens;

• Diminuição do surgimento de plantas invasoras;

• Diminuição do risco de morte advindo de raios e descargas elétricas;

• Aumento da oferta nutricional de folhas verdes e frescas;

• Equilíbrio ecológico.

 

Gostou do artigo de hoje? Entre em nosso blog e fique por dentro de diversos assuntos do seu interesse! Aguardamos a sua visita!

 

Related Post