Como combater o berne no rebanho bovino? Entenda!

Como combater o berne no rebanho bovino? Entenda!

Um dos grandes desafios dos pecuaristas brasileiros está no controle de doenças que podem afetar o seu rebanho e a produção.

Neste texto, falaremos de um parasita indesejado, o berne — mais especificamente sobre o seu efeito em bovinos.

É preciso estar atento para evitar essa presença indesejada em seu negócio, a fim de que todo um trabalho contínuo e feito com dedicação não acabe sendo prejudicado pela simples presença de um parasita.

Por isso, explicaremos um pouco melhor sobre essa infecção parasitária que causa tantos entraves e também daremos algumas dicas de como evitar e combater o berne. Então, continue a leitura!

O que é o berne?

O berne é uma pequena larva da mosca berneira (Dermatobia hominis), responsável por enfraquecer os animais, em especial rebanhos, diminuindo a sua produção (de leite ou de carne) e, muitas vezes, estragando o seu couro.

O seu aparecimento está relacionado à regiões com muitas árvores e vegetações altas, temperaturas elevadas durante o dia e relativamente frias durante a noite, chuvas de moderadas a abundantes e um considerável número de animais.

Para prevenir a instalação da larva, geralmente, é indicado o combate às moscas, limpando muito bem os pastos e currais, além do local onde o rebanho costuma beber água.

Outra dica importante é retirar, todos os dias, o esterco produzido pelos animais do curral, evitando o aparecimento das moscas, e desinfetar o vasilhame utilizado para o manejo.

3 larvas de berne
Berne é uma infecção parasitária causada por larvas da mosca berneira e afeta principalmente o rebanho bovino.

O diagnóstico é feito por meio da visualização dos nódulos no corpo do gado, que aparecem, em sua maioria, no dorso de bovinos.

No entanto, o que fazer se o animal já estiver com o parasita? Como combater o berne?

Nesse caso, é preciso tomar uma série de medidas que podem ajudar a resolver o problema, conforme veremos logo abaixo.

Todas as medidas são necessárias para evitar que a saúde do seu rebanho bovino seja afetada, além de eliminar, também, qualquer tipo de prejuízo à sua produção.

Quais prejuízos o berne traz para o rebanho?

Como já mencionamos, o berne pode ser extremamente nocivo para o rebanho bovino, trazendo diversos prejuízos para a saúde do animal, como diminuição do peso, impactos negativos em sua produção de leite, no sabor da carne, perda do valor do couro, entre outros.

De acordo com estudos realizados pela Embrapa, animais com 20 a 40 larvas no corpo podem perder de 9% a 14% de seu peso, o que reduz muito a rentabilidade do rebanho.

Dessa forma, os estudos também indicam que o couro do animal pode ser altamente desvalorizado com a presença de 10 a 20 nódulos nas áreas nobres da pele.

Confira também nossa matéria sobre como fazer o controle da mosca-dos-estábulos que também afeta o rebanho bovino.

Ou seja, a questão da saúde dos animais não é o único prejuízo causado pelo parasita, pois também existem graves problemas financeiros gerados pela menor eficiência na produção de carne, leite e couro.

Além disso, o controle químico para combater o berne é complexo, uma vez que há grande diversidade de hospedeiros alternativos para os ovos da mosca.

Como combater o berne no bovino?

Afinal, existem alternativas para combater o berne? A boa notícia é que sim, há formas de combatê-lo e livrar o seu rebanho desse grande problema, protegendo a saúde dos animais e também a sua produção de leite, carne e couro. Para isso, daremos, a seguir, dicas valiosas de como fazê-lo.

Elimine o acúmulo de lixo e lama

Como já mencionado, uma das razões para o aparecimento das moscas que causam o berne é o acúmulo de matéria orgânica ou, até mesmo, de lama na propriedade.

Mosca do berne em planta
Para proteger os bovinos dos bernes, é preciso ficar atento e eliminar as moscas da propriedade.

Assim, é muito importante para o controle desse parasita que seja feita a eliminação de lixos e de grandes quantidades de lama sempre que possível, tornando o ambiente não atrativo para o aparecimento da mosca berneira que possa atacar o seu rebanho bovino.

Garanta a nutrição adequada

O berne é um problema que atinge seriamente a saúde dos animais, em especial o seu peso, como apontado.

Por isso, é preciso que todo o rebanho esteja muito bem nutrido, com os alimentos adequados, tornando o seu sistema imunológico mais forte. A nutrição auxilia na proteção do organismo de dentro para fora.

Assim, com a imunidade fortalecida e a saúde em perfeitas condições, o bovino que acabar por entrar em contato com o berne tem muito mais chances de não adoecer, prevenindo prejuízos na lucratividade.

Alimentos com sal mineral, sal proteinado e virginiamicina fortalecem a saúde do animal, ajudando a engordá-lo e afastando o parasita.

Aplique o controle estratégico para combater o berne e outras pragas

Existem muitas coisas que podem ser feitas antes de o berne se tornar um problema, como a criação de um controle de pragas eficiente e bem estruturado para proteger o seu rebanho.

Assim, é necessário priorizar o uso de produtos que combatem ou repelem moscas que podem servir de vetores para o parasita.

Pecuarista dando banho no gado
Os bovinos devem estar sempre limpos, com banhos, além de limpeza das instalações.

Outra questão importante no controle tem relação com os banhos higiênicos para garantir que os animais estejam sempre saudáveis e livres da presença das larvas.

Busque tratamento e medicamentos adequados

Por fim, caso o berne seja uma realidade no seu rebanho bovino, é importante procurar o tratamento adequado, bem como os medicamentos indicados para cada caso. No controle das moscas, em geral, o mais recomendável é o uso de ectoparasiticidas de contato.

Para realizar o tratamento e combater o parasita, o ideal é fazê-lo no início do período chuvoso, entre setembro e outubro.

Também é importante tomar medidas de manejo preventivas, evitando maior contaminação, bem como fazer a remoção e o tratamento de esterqueiras, piscinas de decantação ou biodigestores para o controle de outras moscas que podem servir de vetores.

Por fim, limpe bem o local onde a larva está instalada no animal e passe pomadas específicas ou pastas bernicidas para matá-la. Bernicidas sistêmicos podem ser mais eficientes, aplicados de forma injetável, usados sobre o couro dos animais ou ministrados via oral.

No vídeo abaixo, veja como fazer o controle de berne, Carrapato e mosca dos chifre no rebanho bovino:

Fonte: Senar Brasil.

Nunca se esqueça de também matar todos os bernes que caírem no chão, pois eles têm potencial de se transformar em novas moscas vetores, aumentando o problema.

E então? O que achou do conteúdo sobre como combater o berne no rebanho bovino?

A nossa indicação é, se eventualmente passar por esse problema, adotar todas as medidas deste texto para evitar os riscos que o parasita oferece para a sua criação de gado.

Além disso, conte sempre com profissionais especialistas no assunto para garantir o melhor tratamento e mais saúde para o seu rebanho bovino.