Como podar parreira de uva. Veja dicas técnicas!

Como podar parreira de uva. Veja dicas técnicas!

Podar a parreira de uva é uma técnica importante para garantir uma produção. É através desse sistema que permite estimular o crescimento da videira.

Mas, não é uma tarefa tão simples e exige um certo conhecimento técnico para não comprometer toda a planta.

Neste artigo estaremos mostrando como e quando podar a videira, além de outras informações. Boa leitura!

Cultivo da parreira de uva

Antes de tratar diretamente da poda da parreira, vamos falar um pouco sobre a uva. Originária da Ásia, o seu cultivo é considerado uma das atividades mais antigas entre os homens, devido aos seus deliciosos frutos para a produção de vinho.

No Brasil, o plantio da uva teve início desde a época do descobrimento, em 1532, através dos portugueses. É uma fruta do tipo não-climatérico, ou seja, não amadurece após a colheita, devendo ser colhida no ponto ideal de maturação.

Normalmente, as videiras são plantadas no chão, podendo atingir até sete metros de comprimento. Os frutos aparecem a partir do terceiro ano após o plantio, nos meses de novembro a março, na região sul e o ano todo na região nordeste.

Quanto podar em um pé de uva?

As uvas são produzidas a partir de botões que crescerão e se tornarão brotos em colmos para só depois formar a parreira. Ainda assim, com o passar do tempo, é importante realizar podas frequentes para estimular o crescimento da videira.

Em países do hemisfério sul, como o Brasil, esta prática é realizada anualmente durante o inverno, graças ao seu período de dormência.

Você sabia que podar as uvas quase sempre faz a diferença entre uma boa colheita e uma ruim?

Em geral, muitas pessoas têm receio de podar as parreiras em grande quantidade, mas a realidade é que este pode ser um fator importante para se obter sucesso.

Homem realizando a poda de uma parreira de uva
As podas da videira são importantes para estimar o crescimento e, por sua vez, a colheita da uva.

Isso porque, quando se trata da poda, fazê-la de forma simples não irá ajudar na frutificação adequada, ao passo em que a mais intensa será capaz de fornecer maior qualidade para a videira.

Portanto, não tenha medo de fazer o que é preciso. Tenha em mente que essa é uma boa estratégia para o sucesso de sua produção.

Diante disso, compreenda que as plantas maduras devem ser podadas anualmente, removendo os colmos frutíferos que alcançaram um ano de idade e os ramos antigos da parreira que eventualmente ficaram.

Isso vai estimular o crescimento de novos ramos onde o fruto será produzido. Confira no vídeo abaixo dicas importantes sobre a poda e tratamentos de inverno para a parreira de uva:

Fonte: Rio Grande Rural.

Como fazer a poda de uva de maneira correta?

Durante os três primeiros anos de plantio, a videira está desenvolvendo suas raízes para, a partir daí, absorver nutrientes e dar origem aos ramos que irão sustentar seus cachos no futuro.

Desse momento em diante, é preciso começar a podar. Embora existam várias maneiras de realizar este processo, todas compartilham das mesmas etapas básicas, ou seja, podar os ramos que estão aptos a serem removidas da estrutura.

E como isso seria feito? O interessante é selecionar de dois a quatro ramos mais antigos, retirando-os gradativamente para mitigar tudo o que cresceu excessivamente.

Após isso, é primordial deixar um ramo de renovação da parreira, que deve ser amarrado a um suporte de arame ou treliça.

Esta etapa é essencial para que novos brotos possam nascer e, assim, consigam se desenvolver para a estação de cultivo do próximo ano.

Afinal, à medida que a videira completar cada ciclo, você poderá cortar o ramo de renovação antigo que deixou no ano anterior, dando espaço para os mais novos ocuparem este papel.

Quantos botões devem permanecer após a poda do pé de uva?

Para podar os ramos antigos, o ideal é realizar os cortes deixando cerca de 15 botões por ramo. Ainda assim, esta quantidade pode variar de acordo com a finalidade da uva em questão.

Homem segura alicate para realizar a poda da videira
Para realizar a poda da videira é preciso levar em conta a quantidade de botões por ramo.

Para as uvas que se transformarão em vinho, o recomendado é deixar cerca de 20 a 30 botões por planta; enquanto nas uvas de mesa, é interessante deixar de 50 a 80.

O importante é ter em mente que, ao estimular a poda, não se deve ultrapassar esta quantidade.

De acordo com o pesquisador da Embrapa Uva e Vinho, Leonardo Cury da Silva, professor do IFRS/BG, “é importante que o produtor tenha em mente que podar não é simplesmente suprimir galhos, mas sim escolher e deixar na planta, e na posição adequada, as gemas férteis que são fundamentais para a frutificação, qualidade e manutenção da estrutura da videira“.

Ele também faz um alerta: a antecipação da poda tem limites e não deve ser feita logo após a colheita.

Se ocorrer antes da queda natural das folhas, o produtor estará evitando o acúmulo de reservas nas plantas, o que certamente irá comprometer as próximas brotações e o potencial produtivo das plantas nos próximos ciclos.

Portanto, neste artigo procuramos mostrar as técnicas ideais para saber como podar parreira de uva. Esperamos que possa ser útil pra você, e se foi que tal compartilhar com seus amigos viticultores?

E se você quer ampliar a produção em sua chácara ou mesmo quintal, outra dica é sobre como plantar pé de caqui. Confira as melhores práticas acessando esse post.

Post Relacionado