Certificação x Não Conformidade

Certificação x Não Conformidade

Com a evolução da tecnologia e da informação, os consumidores se tonaram mais exigentes quanto a produtos/ serviços e marcas que consomem.

Assim surgiram as certificações, com o intuito de comprovar que a empresa ou a propriedade segue as normas estabelecidas pelos órgãos nacionais e internacionais.

Aliás, quando falamos em certificação, falamos da aceitação de um empreendedor em certificar seus produtos ou serviços e sua consciência em garantir qualidade a clientes. O conhecimento sobre a implantação da certificação chega a todos os empreendedores.

O que é a certificação?

Certificação, para que você entenda melhor, é o processo pelo qual uma entidade independente avalia de determinado produto, serviço atende a normas técnicas de qualidade.

Essa avaliação é feita por meio de auditorias no processo produtivo, na coleta de amostra e análises.

Certificação de produtos agrícolas
A certificação é uma garantia de que produtos rotulados como orgânicos tenham de fato sido produzidos dentro dos padrões do setor agrícola.

Com objetivo de obter certificação necessária ao segmento da organização, consequentemente haverá mudança cultural dentro da empresa. Assim sendo, isso é fundamental que as pessoas entendam sua importância, bem como os benefícios alcançados.

Quando falamos em busca de qualidade, falamos no compromisso em trabalhar promovendo melhorias nos processos e dentro da legalidade, garantindo segurança dos colaboradores, meio ambiente, respeito aos consumidores e produtos que garantam segurança ao consumidor, bem como serviços de qualidade.

O ideal é que todos os requisitos de qualidade sejam cumpridos. Para tanto, é importante que tenhamos consciência de que é impossível que em uma empresa/propriedade  seja ela de grande ou pequeno porte, nunca ocorram erros nos processos.

Para que isso não ocorra é aconselhável que se crie medidas no sentido de reduzir o número de não conformidades nos processos.

O que são não conformidades na Certificação?

Chamamos de Não Conformidades todo e qualquer processo que não esteja de acordo com o requisito esperado e previamente definido, ou seja, a partir da evidência de um resultado insatisfatório gerado pelo processo, produto ou serviço não conforme.

As não conformidades podem acarretar às organizações diversos problemas como maiores custos, multas trabalhistas e ambientais, acidentes, além de prejudicar a imagem da empresa e desestimular os funcionários.

Homem aplica inseticida sem equipamentos de proteção
Não conformidades referem-se ao não atendimento de um requisito pré-estabelecido. No exemplo, funcionário aplica inseticida sem os equipamentos de proteção.

Por isso, mais importante que tratar as não conformidades é adotar práticas de prevenção para que elas não ocorram.

Quando uma propriedade é submetida a uma entidade independente – a Certificadora, também chamada de Auditoria Externa. É avaliada dentro dos requisitos exigidos pela norma, sendo dentre elas especificações de clientes, atendimento a legislação e até mesmo de normas internas de cada empresa.

Exemplo claro

Se um dos requisitos de exigência a norma é o acompanhamento da qualidade da água consumida, ou seja, que seja realizado anualmente a análise de água dentro dos parâmetros aceitáveis de consumo.

Quer dizer que caso a propriedade não a faça ou não a apresente na auditoria, significa que está não conforme conforme a norma,  sendo assim não cumpriu ou atendeu o requisito.

A submissão a uma certificadora é algo sério. É necessário cumprir a exigência dos requisitos que são graduados. Caso não seja cumprido e não atinja o numero aceitável de pontuação, as não conformidades críticas ou uma combinação de não conformidades pode resultar em uma não certificação.

O que fazer para evitar as não conformidades e até a perda ou negação do certificado?

É preciso uma avaliação constante, auditorias internas na avaliação dos processos e procedimentos, implantação de plano de ação para tratativa das não conformidades, bem como busca pela melhoria continua visando alcançar resultados esperados.

Homem se arrisca ao subir em semeadeira. Não conformidade na certificação
Entre os requisitos necessários à certificação, está o treinamento de funcionários sobre o uso correto dos equipamentos.

Tem realizado análise de água anualmente? Seu plano de gestão ambiental e segurança do trabalho estão vencidos? Seus procedimentos internos foram revisados este ano? Seus maquinários foram revisados e a limpeza é realizada com a periodicidade exigida? Os funcionários estão sendo treinados?

Esses são alguns pontos que precisam fazer parte de uma análise periódica. Se há auditorias internas periódicas, os documentos são revisados nos prazos devidos, as manutenções são realizadas conforme procedimentos, os funcionários serão treinados e os demais processos serão monitorados.

Não espere ser surpreendido na Auditoria Externa, em que a certificadora vai até você. Não espere ter suas não conformidades apontadas e pontuadas. Antecipe-se, prepare-se,  monitore-se, trate as não conformidades encontradas como melhoria de processos e produtos.

 Lembre-se: Por isso, mais importante que tratar as não conformidades é adotar práticas de prevenção para que elas não ocorram.

Confira também: COVID-19 em época de safra. O que fazer?

Post Relacionado

Comunicação e agronegócio

Comunicação e agronegócio

Em busca de perguntas e respostas certas Em 2019, a Fundação Instituto de Administração (FIA) organizou o evento “Seminário –…