Desmama de bezerros: saiba como fazer da melhor forma!

Desmama de bezerros: saiba como fazer da melhor forma!

A desmama de bezerros é uma etapa importante para quem lida com a pecuária. Esse processo de nova alimentação deve ser realizado da melhor forma possível, levando em consideração as boas práticas de manejo

Caso contrário, a maneira abrupta do desmama pode trazer consequências desagradáveis tanto às vacas quanto aos bezerros.

Visando entender um pouco melhor sobre o assunto, preparamos este conteúdo com o intuito de apresentar a importância desse processo de desmama e como ele deve ser realizado na prática, com a finalidade de garantir uma boa alimentação e desempenho dos bezerros. Continue lendo e confira!

Quando o processo de desmama de bezerros é realizado?

Imediatamente após o parto de um bezerro, a vaca inicia os primeiros cuidados essenciais, como lamber, massagear e oferecer a mamada à cria.

Vaca logo após o parto do bezerro
Após o parto, começam os cuidados especiais com os bezerros que incluem o processo de desmama.

Após o terceiro mês de lactação, a dieta do leite é reduzida, pois passa a ser utilizada forragem sólida como fontes de nutrientes e energia. Assim, quando o peso ao nascer é dobrado, chega o momento de iniciar a desmama de bezerros.

O processo de desmama começa por volta dos 6 a 8 meses de vida dos bezerros. Este período é tradicionalmente escolhido devido ao animal já ter condições funcionais de alimentação por ser um ruminante, podendo ingerir alimentos sólidos como principal fonte de nutrientes e energia dos quais precisa.

Isso porque, quando volumoso e o concentrado passam pelo rúmen, ocorre um processo de fermentação, gerando gases que contribuem no desenvolvimento do pré-estômago, fazendo com que os bezerros consigam se sustentar sem o leite.

Além da idade, outro fator a ser considerado é o peso dos bezerros. O peso ideal, de aproximadamente 60 a 90 kg, deve ser atingido por volta dos 60 dias. Dessa forma, assim como os animais adultos, os bezerros já estarão prontos para o consumo da forragem sólida.

Quais as consequências que a desmama pode causar nos animais?

Embora possa parecer ser um processo natural e simples, a época da desmama de bezerros é um momento que pode trazer consequências negativas à vaca e à cria. A separação, feita sem o manejo adequado, pode deixar os animais estressados.

Alimentação complementar de bezerros
Os cuidados com a alimentação dos bezerros incluem também oferecer leite complementar, caso não estejam ganhando peso suficiente, até iniciar o processo de desmama.

Além disso, a maneira abrupta da desmama de bezerros proporciona outros comportamentos que interferem no bem-estar de ambos, tais como:

  • Perda de apetite e peso;
  • Maior risco de contrair parasitas e doenças;
  • Redução do desempenho;
  • Vocalizar repetidamente;
  • Aumento do período caminhando;
  • Menos tempo se alimentando e descansando.

Quais são os critérios para realizar a desmama de bezerros e como fazer?

Em alguns processos de desmama de bezerros os pecuaristas tendem a adotar alguns costumes, como separar os animais em áreas bem distantes e, assim sendo, no momento da vocalização, não possa ser ouvido. Também fazem uso de madrinhas com descartes ou podem ainda dividir o lote em dois.

Entretanto, as técnicas acabam não sendo funcionais, pois diminuem o desempenho da recria. Os bezerros têm o mesmo comportamento da separação total e tendem a se procurar em meio ao rebanho.

Assim, o ideal é minimizar o estresse, buscando opções menos traumáticas e que proporcionem o bem-estar aos animais. Nesse sentido, é preciso seguir alguns critérios de boas práticas de manejo. Veja a seguir.

Separar a mãe e o bezerro por uma cerca

Quando no mesmo recinto, apenas separados por uma cerca, sendo colocados lado a lado e mantendo o contato visual, a vaca e o bezerro tendem a ficar mais tranquilos.

Processo de desmama dos bezerros com  separação das mães
No processo de desmama dos bezerros, uma dica é separar da mãe apenas por uma cerca, mas mantendo o contato visual.

Mesmo dividido pela cerca, vale a pena compartilhar um cocho com água e complemento da alimentação, a fim de que essa proximidade seja um incentivo aos animais e acabe facilitando o ganho de peso.

Dividir em duas etapas

Outra possibilidade é dividir a separação em duas etapas. De início, é preciso utilizar uma tabuleta no período de quatro a sete dias, evitando, com isso, que os bezerros mamem.

Já na etapa seguinte os animais podem ser separados, pois o bezerro já estará acostumado a viver sem a alimentação do leite.

No entanto, a maior dificuldade desse processo é em lotes maiores, devido à retirada e colocação das tabuletas. De toda forma, os resultados são bastante positivos, uma vez que reduz a vocalização e o estresse no período da desmama de bezerros.

Controlar o processo e desenvolver uma nova dieta à vaca

Esse método também é interessante, pois de maneira gradual permite que od bezerros passem a mamar duas vezes por dia, podendo ser de manhã e à tarde.

Bezerros comendo feno iniciando o processo de desmama
Aos poucos, os bezerros vão tendo acesso à novas fontes de alimentação até completar todo o processo de desmama.

No período em que fica afastado da mãe, o acesso ao pasto verde e à ração deve ser permitido com objetivo de criar estímulos. Assim, em pouco tempo, os bezerros pastarão com outros animais, vivendo independentemente e de maneira gradativa.

Também é essencial desenvolver uma nova dieta à vaca, com o propósito de diminuir a produção de leite. Dessa maneira, pastos magros e alimentação com feno são opções para acelerar esse processo, como ainda contribuir na recuperação corporal.

Colocar os animais em uma área de pastagem

Algumas vezes por semana, colocar os animais em uma mesma área de pastagem também é uma boa alternativa para acostumar os bezerros ao ambiente natural, além de estimular a busca por outra fonte de alimentação. Quando eles estiverem familiarizados com o espaço, é possível realizar a desmama de bezerros sem estresse.

Processo de Desmama de bezerros com oferta de pasto verde
No processo de desmama, os bezerros devem ter acesso ao pasto e, com isso, vai se acostumando a uma nova alimentação.

Porém, nesse período a saúde do bezerro ainda está fragilizada, sendo preciso proporcionar condições favoráveis aos animais.

Disponibilize áreas de abrigo contra ventos e chuvas, pastejo bem cercado e isento de sujeiras e, principalmente, evite contaminações e o convívio com animais doentes e adultos.

Quais são os cuidados na desmama de bezerros?

Independentemente do método adotado, para atingir um melhor desempenho dos animais e minimizar as perdas nessa fase, durante o período de desmama é fundamental adotar alguns cuidados de manejo, como:

  • Proporcionar piquetes com proteção de ventos e sombra visando diminuir o adicional estresse climático;
  • Evitar a aplicação de vacinas, castração, descorna (retirada dos chifres dos animais) e vermífugos durante o período da desmama;
  • Checar frequentemente os bezerros e remover os animais doentes imediatamente dos piquetes;
  • Evitar a comercialização, transportes e viagens dos bezerros no período pós-desmama, com efeito de evitar o estresse.

Adotar práticas de manejo adequadas é essencial para a prevenção de prejuízos no momento da desmama de bezerros.

No vídeo abaixo, confira como a desmama precoce, quando bem feita, pode trazer vantagens no desenvolvimento dos animais:

Fonte: Fabélia Oliveira.

Além disso, é importante considerar o bem-estar animal, a fim de evitar a inquietude e o estresse, tanto à vaca quanto ao bezerro.

Gostou deste artigo? Confira também nosso post sobre os critérios para desmama de bezerras leiteiras. Boa leitura!

Post Relacionado